sexta-feira, 6 de novembro de 2009

QUEM SABE...



QUEM SABE...


Quisera te apagar de minha memória
Quisera rasgar a página do livro que marcou nossa história
Quisera apagar o que aconteceu,
quisera esquecer este louco amor que me invadiu e me enlouqueceu.
Sonho vivido de passado, amor confirmado,
amor proibido, amor sofrido..

Distância imensa, saudade da sua presença...
Te sentindo no peito, te sentindo na alma imploro a calma,
mas aos poucos vou morrendo,
sabendo que eu e você estamos mais distantes que supomos,
mais longe do que suportamos.
Quisera fugir, mas para onde quer que eu vá,
te amor vai me acompanhar, e eu sei que sempre,
sempre vou te amar.
Não há nada que possa este sentimento mudar,
não há nada que possa nos ajudar...

Prova dura na terra que nos foi dada a enfrentar...
Não diga mais nada...
Vá amor...
Continue sua caminhada,
mesmo com os nossos corações ardendo de paixão,
aprenderemos a conviver com a dor da separação...
Guarde contigo este tesouro, leve contigo
o amor mais amigo, o sonho interrompido.

Quem sabe na eternidade poderemos nos
reencontrar e livremente nos amar!

Quem Sabe...


(Cora Maria)

Um comentário:

  1. Tudo bem?
    Estou aqui para pedir desculpas pela minha ausência,creio que de agora adiante estarei mais presente...rsrsrsrs...isso se pararem de me sufocar com tanto carinho...rsrsrs...estou brincando!
    Beijos cheios de ternura e muito carinho...

    ResponderExcluir